ELEIÇÕES 2010

Boff vai ao lançamento de Marina Silva

Sem Caetano Veloso, que vai dar bolo, o Partido Verde, tem como grande estrela para o lançamento da candidatura de Marina Silva a presidência da República, o frade franciscano licenciado, que apesar de elogiar a candidata, disse que ela não tem a menor chance de vencer, apesar de ser melhor que Dilma, teoria da libertação que concordamos

Fotos: Arquivo

Quando Boff, então petista radical, dava vexame aos frades franciscanos, sendo punido pela Igreja, o PT, megalomaníaco, como sempre, imaginava que um dia ele acabaria supremo pontífice da Igreja católica, seria então chamado de Papa Boff

Toinho de Passira
Fonte: Folha de São Paulo

Aliado de Lula em suas cinco campanhas presidenciais, o teólogo e ex-frade franciscano Leonardo Boff será a estrela da festa de lançamento da candidatura de Marina Silva (PV) ao Planalto, amanhã, em Brasília.

Nós só estamos falando dele, pois subirá ao palanque com uma mensagem incômoda ao PT: defenderá que a senadora, e não a petista Dilma Rousseff, é a sucessora natural do presidente.

“A Marina é o Lula melhorado. Tem a mesma origem popular, mas soube pôr o foco na questão ambiental junto com a social”

Símbolo da Teologia da Libertação, uma das raízes do PT, Boff defenderá o voto na senadora como opção de continuidade ao petismo.

“Não me sinto distanciado do Lula, porque acho que a sucessora natural dele seria a Marina. Acho triste que ela tenha deixado o PT. Se fosse candidata do partido, venceria no primeiro turno”, disse ele que também se distanciou de Lula, pois queria mais espaço no governo e não conseguiu.

Ligado à causa ecológica, ele admitiu que a senadora tem pouca chance de vitória. “De qualquer maneira ela ganhará, por impor a ecologia como tema importante na eleição”, afirmou.

O reforço do pensador católico é visto no PV como antídoto às críticas que Marina vem sofrendo pela aproximação com líderes evangélicos de perfil conservador.

Os verdes temem perder espaço com o eleitorado progressista de classe média, que reagiu mal às suas declarações contra a legalização do aborto e o casamento gay.

Nada mais progressista que Leonardo Boff que brigou com a igreja catolica, foi punido pelo atual Papa Bento XVI ( o então cardeal Joseph Ratzinger), condenado a um ano de “silêncio obsequioso”, perdendo sua cátedra e suas funções editoriais no interior da Igreja Católica.

Desligou-se da Ordem Franciscana e pediu dispensa do sacerdócio, pois com qualquer mortal estava tendo um tórrido caso com a sua secretária casada, com quem passou a viver maritalmente até hoje.

A campanha convidou cerca de 200 “personalidades” para a convenção, entre artistas e intelectuais, mas enfrenta dificuldades para confirmar presenças.

Ontem, o clima era de apreensão com a lista. Um dos VIPs mais esperados, o cantor Caetano Veloso deu pouca esperança de aparecer. “Levar artista para Brasília não é fácil”, desabafou um dirigente verde.

A festa será no mesmo local usado pelo PSDB para lançar a pré-candidatura de José Serra. O PV quer reunir entre 1.500 e 2.000 pessoas. Ou seja, querem reunir num só lugar todo o eleitorado de Marina.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: