Candidatos a presidente debatem na Rede TV

Domingo, Setembro 12, 2010

.

O DEBATE E A CONSAGRAÇÃO DA MENTIRA

.
Sei que os prezados leitores estarão esperando que o blog emita uma opinião sobre o debate. É o que farei nestas poucas linhas. Resumindo: o debate foi um lixo. Uma porcaria armada pela Folha de São Paulo e a Rede TV para permitir que a Dilma contasse toda aquela mentirada.

Ora, todos sabem que a violação do sigilo da Receita Federal é um crime inaudito na história do Brasil e foi praticado pelo arapongas petralhas, criminosos, que continuam soltos e debochando dos poucos brasileiros que não são canalhas.

Dilma justificou – pasmem – que não foi o seu pessoal que praticou a violação do sigilo “porque não há provas”. Incrível, não? E quando é que os criminosos nesse tipo de crime deixam provas? Queria ela que houvesse um documento? Cáspite! É o mesmo que confessar o crime. Dilma, de forma enviesada, admitiu.

A revista Veja revelou ao Brasil em sua edição que chegou às bancas neste sábado e que postei resumo abaixo, mais um escândalo vergonhoso dentro do Palácio do Planalto e que envolve Erenice Guerra, conhecida braço direito da Dilma.Entretanto, há pouco, no Twitter o Josias de Souza, da Folha de São Paulo, já adiantou o que o seu jornal dirá na edição de amanhã, ou seja, que os eleitores pouco se importam com denúncias. Há o festejo macabro da pusilanimidade e da brutal ignorância da maioria dos brasileiros. E, em vez de combater, se alimenta essa ignorância. Essa é a moral do jornalismo brasileiro.

Trocando em miúdos, o debate não foi debate. Foi mais um esquema montado pelo PT, tanto é que nos intervalos era veiculado comercial da Dilma. Não sei se a campanha de Serra fez veiculação, até porque confesso que fiquei enojado de ver Dilma mentido descaradamente e sai para não ter engulhos.

Não tenho estrutura mental para suportar tanta sacanagem. Eu sou antigo. Sou do tempo em que se valorizava a educação, a cultura, a fineza e, sobretudo, o respeito à lei e à ordem.

O que eu vi hoje foi o deboche. Foi o esplendor do mal encarnado por Dilma, uma excrescência forjada pelo marketing e que conta com o beneplácito da maioria dos jornalistas da grande imprensa nacional. E eu digo e afirmo isso porque sou jornalista há quase 40 anos. Conheço por dentro esse bando de idiotas, porém nefastos e que contribuem para que aconteça tudo isso que está acontecendo e que deixa estarrecida essa parcela mínima de gente honesta que resta no Brasil.

Repito: estou vendo o esplendor da mentira elevada à verdade suprema com a conivência da maioria silenciosa, obsequiosa, oportunista e velhaca da população brasileira.

Viver neste país se tornou uma aventura extremamente perigosa.

Para completar: há pouco no Twitter a Folha perguntava: quem venceu o debate?

Essa gentalha da imprensa nacional além de tudo é cínica. Cinismo expresso no semblante sabujo do Kennedy Alencar, ex-assessor de Lula.

Cuisp, cuisp. Que nojo!

CLIQUE E SIGA —> BLOG DO ALUÍZIO AMORIM NO TWITTER

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: