DEU NO JORNAL



CORRUPTO JOGA NO MATO CELULAR DE 100 MIL REAIS

Aconteceu em Roraima, nesta sexta (1º), um episódio que subverte a lógica monetária da existência humana. Protagonizou o caso o empresário Amarildo da Rocha Freitas, colaborador voluntário da campanha reeleitoral de Romero Jucá (PMDB), líder de Lula no Senado.

Amarildo foi ao escritório de campanha de Jucá. Deixou o prédio carregando um envelope. Entrou no carro, deu a partida e saiu. Súbito, Amarildo percebeu que um veículo da Polícia Federal o seguia. Apanhou o envelope e arremessou-o pela janela do carro.

Os agentes da PF recolheram o refugo num matagal. Dentro, encontraram R$ 100 mil. Detido, Amarildo foi inquirido e contou que recebera a grana das mãos de Jucá.

Livrou-se da pecúnia, segundo disse, porque ficou “assustado” com o assédio da PF.

* * *

Os ladrões de rua aqui do Recife usam o mesmo expediente quando estão fugindo da polícia: jogam fora o celular que arrancaram das mãos da vítima.

O próprio guabiru, Romero Jucá, se avexou e foi correndo à sede da PF garantir que o dinheiro não era dele. Que ele, coitadinho, não usava este tipo de expediente de comprar votos com dinheiro vivo. Desmentiu seu xeleléu e largou o dinheiro por lá. Assim. Desse jeito que estou contando pra vocês. “Eca! Que nojo! Nunca vi esse dinheiro na minha vida!”

Tem um texto sobre Romero Juca, intitulado “O Arquiteto da Fila”, que costumo repetir periodicamente. Pra gente num esquecer que tipo de poderoso é que está mandando neste país depois que o PT assumiu o poder. Os leitores mais recentes do JBF, que ainda não leram, basta clicar aqui.

Agora, prestem atenção num detalhe: Romero Juca é lider do Governo Lula no Senado Federal.

Peço um grande favor aos nossos leitores. Vejam a coluna de Goiano publicada hoje, intitulada “Segundo Turno”. Esqueçam a coluna e entrem direto nos comentários. Vejam os comentários feitos pelo próprio colunista Goiano sobre o governo. Defendendo o governo dos ataques levianos e cheios de factóides da direita reacionária. Uma defesa candente, apaixonada, vibrante, desvairada e vinda do fundo do peito, onde está plantada e enraizada a mais profunda paixão político-ideológica que explode em graves problemas oftalmológicos.

E pensem o seguinte: aquele governo pintado e defendido por Goiano, é o mesmo governo que mantém Romero Jucá como seu líder no Senado Federal. Romero Jucá é homem poderoso daquele mesmo governo sobre o qual Goiano fala. Neste governo, dezenas de cargos do primeiro e do segundo escalão, que manipulam verbas bilionárias, tiveram seus chefes e diretores todos indicados por Jucá. É por isso que ele pode se dar ao luxo de jogar no mato 100 mil reais. Não é dinheiro dele: é dinheiro público, dinheiro nosso, dinheiro dos impostos que a gente paga.

Agora, me respondam ligeiro: dá pra levar a sério a claque lulosa???!!!

Romero Jucá, líder do governo, despachando com o chefe do governo: uma cara tão lisa e de pau tão rijo que é capaz de matar de inveja um comentarista lulo-fubânico

Fonte: Blog Jornal da Besta Fubana

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: