Lula se despediu dos pernambucanos ameaçando voltar

PERNAMBUCO

“Deixo apenas a Presidência, mas não pensem que vocês vão se livrar de mim”, disse Lula no discurso no Marco Zero em Recife, na área revitalizada por Roberto Magalhães (DEM) quando foi Prefeito do Recife. Para atrair gente para evento, contrataram artistas como Alceu Valença, Geraldo Azevedo e forrozeiros ligados a Associação Forró Pé de Serra. A festa toda, oficialmente foi patrocinada pelo PSB, que não informou o custo da produção, mas se pode dizer que foi algo em torno do meio milhão.

Foto: Ricardo Stuckert/PR

Lula aproveitando o povo reunido para o show, falou à multidão, despedindo-se dos pernambucanos, diz que vai voltar. Vade retro presidente! Vade retro!

Postado por Toinho de Passira
Fontes: Jornal do Comercio, Jornal do Comercio, Jornal do Comercio,Jornal do Comercio, Jornal do Comercio, Portal Suape


Temos o prazer de informar que ontem aconteceu a última visita de Lula a Pernambuco como presidente da República. Em oito anos de governo, visitou o Estado 40 vezes, só neste ano atingiu a marca de dez visitas. Sempre em campanha, lançando pedras fundamentais que não prosperaram e assinando contratos que ninguém sabe onde foi parar.

Na cerimônia em praça pública, num showmício, Lula recebeu do governador a maior comenda do Estado de Pernambuco, a Grã-Cruz da Ordem do Mérito dos Guararapes. Os agraciados recebem uma faixa. Lula brincou dizendo que como no dia 1º de janeiro, passará a faixa presidencial para Dilma, usaria depois disso a faixa da Ordem do Mérito Guararapes.

Lula chorou várias vezes. Fez um previsível discurso de improviso e agradeceu aos pernambucanos, terem acreditado nas suas fanfarrices.

Igual aquele slogan de Lula, “nunca antes neste país”, aqui por Pernambuco se cunhou a frase ”Lula fez muito por Pernambuco.”

O governador Eduardo Campos soube capitalizar essa linha petista, transformando as visitas de Lula em palanques eleitorais, que serviam tanto ao presidente quanto a ele, para projetar um clima favorável, uma imagem de prosperidade, que nem sempre era verdadeira.

Ninguém pode negar que sob a tutela de Eduardo Campos Pernambuco continuou crescendo. Como Lula ele herdou um estado pronto para se atirar para um futuro melhor e não decepcionou. O porto de Suape, o grande trunfo do estado, tão bem aproveitado para trazer investimentos e erguer palanques, foi construído, por inúmeros governadores do passado.

Governadores que se comportaram como estadistas, deixaram de lado obras populistas, gastando tempo e recursos numa obra em alto mar, que não daria um retorno imediato, e que não era visível a principio aos olhos dos eleitores. Vamos lembrar aqui, homens como Eraldo Gueiros (seu idealizador), Moura Cavalcanti que deu prosseguimento ao empreendimento, seguido de Marco Maciel, Roberto Magalhães, Joaquim Francisco e por fim Jarbas Vasconcelos.

De todos os governadores que estiveram a frente do estado nesses últimos 40 anos, que o porto ia sendo erguido, aumentado, modernizado, o período que menos avançou foi durante os dois governo de Miguel Arraes, o avô de Eduardo Campos. Arraes achava que a obra deveria ser tocada pelo governo federal e não acreditava no seu futuro. Só no fim do seu último mandato, quando perdeu de ser reeleito para Jarbas Vasconcelos, foi que liderou um movimento pedindo que uma refinaria fosse implantada em Suape.

Todos esses homens estavam construindo um enorme palanque para Lula. Durante essas 40 vezes que esteve em Pernambuco, pelo menos a metade, foi para lançar pedras fundamentais, inaugurar maquetes ou assinar documentos durante eventos na área do porto.

Em maio desse ano, por exemplo, Lula inaugurou um navio, o primeiro construído no Estaleiro Atlântico Sul, trazido para Pernambuco no governo Jarbas Vasconcelos, com a presença da presidenciável Dilma Rousseff.

Nunca mais ninguém falou desse navio, o petroleiro “João Candido” que se destinará a Petrobras. Pois bem, o navio continua em Suape, a inauguração, como disse a oposição na época foi apenas de fachada, oito meses depois, a embarcação parece ainda precisar de um bom tempo para realmente singrar os mares e servir a Petrobras.

É desse Lula que vamos lembrar, do enganador, do falastrão, do populista. A história vai dizer o quanto ele fez pouco por Pernambuco, e equivocadamente, Pernambuco fez muito por ele. Agora está na hora dele nos deixar em paz. Vade retro presidente e não volte mais.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: