Como escolher uma CORRETORA para investir em ações

Dias atrás, a revista Exame mostrou um artigo com as corretoras mais baratas para quem tem 5.000 reais para aplicar. É um critério na escolha de uma boa corretora de valores, mas esse não deve ser o único. É importante, antes de tudo, verificar se a corretora atende aos pequenos, se está cadastrada na Bovespa, no Banco Central e tem autorização da CVM para atuar. E é preciso saber também se ela tem, ou já teve algum problema no mercado, e se teve, que tipo de problema foi.
Eu fiz uma lista (básica) de quais critérios você deve usar na hora de escolher uma corretora, e o que deve priorizar quando for investir em ações.

Como escolher uma corretora

– Taxa de corretagem – Fator importante: pode ser a taxa padrão ou a taxa fixa.

Se você tem a intenção de aplicar volumes altos de dinheiro fique com a taxa fixa, se forem aplicações baixas fique com a taxa padrão. Economizará mais.

– Taxa de custódia (CBLC).

É obrigatória, mas algumas corretoras cobram, outras não. As que não cobram geralmente têm interesse que você adquira outros produtos e serviços que ela oferece.

– Planos de descontos de corretagem.

Algumas corretoras fazem promoções. Seja com base no montante de capital investido, ou no nº. de ordens dadas no mês. Veja a melhor opção.

– A qualidade e a agilidade do sistema Home Broker. Priorize isso.

– Os tipos de ordens permitidos.

Os tipos de ordens variam conforme as corretoras, mas o interessante é que a escolhida tenha a ordem do tipo Stop.

– Serviços oferecidos aos clientes, e gratuítos.

Por ex. gráficos em tempo real, streamer (atualizações automáticas), entrevistas com especialistas, análises setoriais e macroeconômicas, alertas via e-mail e celular, acesso wap para compra e venda de ações, etc.

– Disponibilidade do atendimento telefônico.

É importante que o atendimento por telefone seja rápido caso, por exemplo, o sistema fique fora do ar ou apresente lentidão.

Obs. final: abrir uma conta numa corretora é muito simples (não é nenhum bicho de 7 cabeças). Basta entrar no site, verificar as condições, imprimir o contrato, ler, concordar e enviá-lo de volta pelo correio. A liberação é feita logo após o recebimento e a conferência dos dados. Algumas corretoras fazem o cadastro pela internet para agilizar o processo.

Ter uma conta numa corretora é como ter uma conta no banco. Não se preocupe se o seu dinheiro depositado ficar parado lá. Elas não vão fazer nada com ele que não seja solicitado por você. A decisão final de onde, quando e como investir será sempre sua.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: